Caso tríplex: julgamento de embargo no TRF-4 pode tornar Lula ficha-suja nesta segunda

Se recurso for rejeitado, condenação definitiva na 2ª instância o deixa inelegível

O julgamento do embargo de declaração do caso do tríplex do Guarujá, marcado para esta segunda-feira no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), pode impor ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva duas derrotas simultâneas. Além de ser condenado definitivamente em segunda instância, Lula pode passar à condição de inelegível pela Lei da Ficha Limpa a partir da publicação do acórdão, o que deve ocorrer em até dez dias.

Comente esta matéria