Vantagem de Bolsonaro cresce, e Haddad vê rejeição a seu nome aumentar

O candidato Jair Bolsonaro (PSL) ampliou sua vantagem na corrida pela Presidência da República e está, agora, dez pontos percentuais à frente de Fernando Haddad (PT), segundo a mais recente pesquisa de intenção de voto do Ibope. O levantamento coincide com a intensa exposição de Bolsonaro no fim de semana: foi realizado no sábado e domingo, quando atos contra e a favor do capitão da reserva foram organizados pelo país.

Bolsonaro subiu de 27% para 31% em cinco dias; sua rejeição se manteve em 44%. Já Haddad permaneceu com os 21% de intenção de voto, mas viu sua o percentual de eleitores que o rejeitam aumentar 11 pontos, para 38%. Confira os percentuais de todos os candidatos.

Em simulação de segundo turno, Bolsonaro e Haddad voltam a empatar. Ciro Gomes (PDT) é o único que vence o candidato do PSL no segundo turno.

Para Paulo Celso Pereira, diretor da Sucursal de Brasília, o resultado da pesquisa sugere que o movimento antipetista ganhou força nos últimos dias de forma silenciosa, em contraponto à ênfase dada à candidatura de Bolsonaro: a rejeição de Haddad já é maior do que a de Lula.

Até a eleição, novas pesquisas serão divulgadas diariamente. Estão previstos cinco levantamentos, do Ibope e do Datafolha.

Fonte: O GLOBO

Comente esta matéria